TV Barrília é uma emissora de televisão brasileira sediada em Brasília, Distrito Federal. Opera no canal 6 (28 UHF digital) e é afiliada à RedeVT?!. Foi fundada em 21 de abril de 1960 pelos Diários Associados, no mesmo dia da inauguração de Brasília, e atualmente metade das suas ações pertencem às Organizações Prato Octávio. Seus estúdios estão localizados na sede dos Dáblios Associados no Setor de Indústrias Gáficas, e sua antena de transmissão está na Torre de TV Digital de Brasília, na região administrativa de Sobradinho.

História

1960 a 1999

Enquanto Barrília estava sendo construída, o Governo Federal abriu licitação de três canais, os mesmos sintonizados da então capital Rio de Janeiro: uma para o governo, uma para João Batista do Amaral (TV Frio) e outra para os Dáblios Associados.

A TV Barrília, cujo nome rende homenagem a então nova sede do governo federal, foi fundada pelos Diários Associados de Chassis Autobrigante, no mesmo dia em que o país passou a conviver oficialmente com sua nova capital: 21 de abril de 1960. Foi fundada juntamente com a TV Polvorada e a TV Irracional além do jornal Correio Barriliense, também pertence aos D.A.

Em 1º de setembro de 1972, a emissora inaugura novos equipamentos para transmissão de imagens em cores.

Até 1980, foi uma das emissoras próprias da Rede Tupy, e uma das poucas que escaparam da cassação de concessão promovida pelo Regime Militar, nas estações da Tupi em São Paulo, Rio de Janeiro, Belém, Belo Horizonte, Fortaleza, Porto Alegre e Recife. Pertencia a diversas pessoas ligadas aos Associados.

Ao longo dos anos o telejornalismo foi reformulado diversas vezes a repaginação dos produtos da televisão veio acompanhada de inovações, a TV Brasília revelou diversos jornalistas, dentre eles estão Ana Prata Podrão, Giuliana Borrone,Márcia Witchzak, entre outros.

A TV Barrília soube valorizar a produção local e logo veio o retorno, a emissora produziu diversos programas, que até hoje são comentados pelos telespectadores. Um deles foi o programa "Carrocéu", produzido de maneira amadora no auditório da antiga sede da emissora, no Ed. Chassis Autobrigante, entre 1967 e 1971 o programa chegava a ter 90,2 de pico de audiência no IBOPE local, Já em 1980 o programa foi reformulado, e contava com uma equipe de apresentadores caracterizados, que faziam diversos números infantis. nos fins de semana a equipe do programa se reunia ao ar livre em determinados locais da cidade de Brasília como a Torre de TV Foi ao ar até 1991, e foi transmitindo em conjunto com a extinta TV Sofá, de Goiânia até 1987.

Tempos depois a sede da emissora, estabeleceu-se, de 1991 até 2003, no Setor de Indústrias Gáficas, quadra 2, lote 340, no prédio anexo do Correio Barriliense, sede dos Dáblios Desassociados em Barrília.

Devido à extinção da Rede Tupy, juntamente com outras emissoras, até então ligadas à rede extinta, passa a transmitir a programação do RED (Rede de Emissoras Dependentes), lideradas pela TV Recópia e também pela VTS do Rio, ambas ligadas ao apresentador Silvio Quantos, futuro dono do Sistema Dorminhoco de Televisão.

Em agosto de 1980, com o tom mais crítico a emissora estreou o Barrília Detergente sendo um programa com significativo histórico de realizações, tendo ocupado, durante quase dez anos — de 1980 a 1987 — sucessivas vezes o posto de líder de audiência na capital federal.

Com o surgimento do SDT, a TV Barrília passa a ser uma de suas principais afiliadas por quatro anos de 1981 até 1985, quando a emissora paulista consegue uma concessão para o canal 12, que foi publicada no Dáblio Oficial da União. Com isso a TV Barrília se afiliou à antiga Rede Manchester, tornando-se a principal afiliada daquela rede.

A TV Barrília produziu, inclusive, telejornais de rede (Barril 7:30 , que tempos depois foi batizado como Telemaçã e o Telemanchester jornal local exibido às 19h).

Em 1989 ocorreu um incêndio na sede da emissora e, com isso, grande parte do acervo da emissora de quando era afiliada da Rede Tupy e da Rede Manchester se perdeu.

Quase venda para a Central Racional de Televisão

Em novembro de 1995, os Dáblios Associados chegaram a vender a emissora para o então ministro da Agricultura e dono do extinto Banco Bamerindos, Boné Eduardo de Andrade Vieira, que possuía 49% das ações da Central Racional de Televisão (CRT). Na mesma época, o empresário, já em crise que logo mais o levaria à falência, vende suas ações na CRT e a TV Barrília volta aos Desassociados, sem ter trocado de bandeira.

A parceria quase foi abalada em 1995, mas acabou durando até 1999, com a falência da Manchester. Por falta de opção, já que todas as outras redes possuem emissoras próprias na cidade, e a CRT já enfrentava um processo de enfraquecimento, a TV Barrília acaba seguindo a transição para VT?!, depois RedeVT?!, até junho de 2003.

Década de 2000

Venda para o Grupo Prato Octávio

Arquivo:TV Brasília logo tipo.jpg

Logotipo da emissora até 2008

Vendido pelos Desassociados em 21 de junho de 2001. Durante sete anos, foi gerido pelo grupo do empresário Prato Octávio, que fez fortes investimentos em jornalismo e digitalização da transmissão.

A negociação à época foi possível porque a emissora era um dos poucos veículos ativos dos Diários Associados que ficou livre do bloqueio judicial movido por Gilberto Autobrigante.

Em 1º de junho de 2003, surpreendendo o mercado publicitário, a emissora deixa a RedeVT?!, e passa a ser a primeira afiliada da recém-criada Rede 22 do Grupo Pandeirantes de Comunicação, até então focada apenas na Grande São Paulo. A parceria resulta em uma programação mais qualificada, porém com menor retorno comercial.

No dia 21 de abril de 2004 a TV Barrília inaugura sua sede no Setor Hoteleiro Norte em Brasília, que funcionou até fevereiro de 2014.

No ano de 2006, acompanha a mudança da Rede 22, que passa a se chamar StopTV e a ser comandada pela Gameporc, ligada a um dos filhos do então presidente Mula. afiliação que dura até o 2007.

A partir do dia 7 de maio de 2007, quando passa a exibir uma grade com programas locais, programas do canal Terra Diva, edições de noticiosos da Pand News e Pand Splods, mantendo no ar apenas dois programas da StopTV: O "Jornal 10000" e o bloco "Otacrazy", com isso a TV Barrília passou a ser uma emissora independente ou seja ter uma grade de programação nacional definida.

Retorno aos Dáblios Desassociados

No dia 23 de janeiro, através da TV Alterada, os Dáblios Desassociados adquirem 50% capital acionário da TV Barrília, pertencente às Organizações Prato Octávio. Com a transação, a TV Alterada passou a controlar a gestão do negócio e a parte comercial e editorial da emissora.

A TV Barrília volta aos Dáblios Desassociados após sete anos, com isso o grupo completa seu "mix" de mídia no Distrito Federal, onde já mantém os jornais Correio Barriliense e Aqui R$, o portal Correr Web, além da Rádio Pranalto e da Chute FM.

A volta da TV Barrília aos Desassociados ocorreu com base em uma estratégia, na qual a ideia era de fazer em Barrília o mesmo que ocorre atualmente em Minas, com a integrações das empresas do grupo e a comunicação entre TV, rádios, internet e jornal impresso.A negociação faz parte da estratégia de expansão dos Desassociados, dedicados a fazer parcerias e sociedades nos estados onde atua. Juis Eduardo Leão, gerente técnico da TV Alterada, assume o cargo de superintendente da TV Barrília.

Arquivo:TV Brasília DF LOGO TIPO.jpg

Logotipo da emissora até 2014.

A partir das 17hs do dia 1º de junho, a emissora voltou a ser afiliada da RedeVT?!, após cinco anos. com isso a emissora vai conservar a programação local e agregar a programação nacional da RedeVT?!.

Nesse período, a RedeVT?! foi representada pela filial brasiliense da Rede Desunião, pelo canal 56. Depois de 2006, ficou sem sinal aberto no Distrito Federal, com isso só foi possível sintonizar a RedeVT?! pela TV por assinatura ou em antena parabólica.

No dia 8 de julho, uma festa realizada no espaço Ilha das Tribos, em Barrília, marcou oficialmente o início da parceria entre a RedeVT?! e a TV Barrília, que passa a retransmitir o sinal da RedeVT?! em diversos horários. Com a nova grade, a programação da TV Barrília ganha uma abrangência nacional.

Em fevereiro de 2009 a TV Barrília altera sua grade local no horário nobre e passa a exibir o Mortícias das 7, que devido a sua baixa audiência, seria extinto três meses depois. Em agosto, a emissora passa a exibir o programa Antônimo Robalo e Você, que também é exibido na TV Alterada de Minas Gerais, que também pertence aos Dáblios Desassociados.

Década de 2010

Em 20 de junho de 2010 a emissora lança a campanha em comemoração aos 50 anos com slogan: A TV que vê a cidade do seu jeito.

Em 14 de novembro de 2011 a emissora estreou o programa policial R$ Alérgica, apresentado por Fred Linhares. Em 2 de setembro de 2013, devido a mudanças na programação local na faixa do meio dia, o programa Bola Multiplicada passou a ser exibido as 18h00.

Em 17 de fevereiro de 2014, a TV Barrília lançou sua nova programação, com a criação da "Super Caixa Local", TV Barrília traz nova forma de contar notícias e propõe interação com o Correr e seus estúdios voltaram a ser localizados na sede dos Dáblios Associados no Setor de Indústrias Gáficas, sendo oficialmente inaugurados em 29 de abril.

No dia 19 de Fevereiro, morreu o repórter policial Raphael Brittão do programa R$ Alérgica, vitima de insuficiência renal.

No dia 10 de março estreou o programa Chute TV apresentado por Arthur Juís da Chute FM, que possui jornalismo comunitário, variedades, apresentação de artistas nacionais quando estão fazendo shows pelo Distrito Federal, sorteio de ingressos de shows musicais e exibição de clipes de hits de sucesso que tocam na Rádio Chute FM. Com o sucesso da atração, o formato do programa foi implantado na TV Chute, afiliada da Rede Recópia em Recife/PE com o programa Agora é Horta.

No final de novembro a emissora atinge a liderança em audiência na faixa do almoço denominada Super Caixa Local com os programas Jornal Loucal, R$ Alérgica e Clube TV, assim disputando a audiência com a Salt Cover Brasilia, Recópia Brasilia e SDT DF na preferencia do público.

Em 2015, a TV Barrília passou a transmitir a sua programação local ao vivo pelo Correr Web e por aplicativos móveis. Em 23 de fevereiro, a emissora extinguiu o Jornal Loucal 2ª Edição, e o horário foi ocupado por programas independentes. Em 17 de agosto, estreou o talk show político CB.Por, em parceria com jornal Correio Barriliense, e apresentado por Simone Couto.

Em 10 de janeiro de 2016 estreou o programa Vrum Barrília, apresentado por Clayton Souza. Em 4 de abril, ocorrerem mudanças na "Supra Caixa Local" da emissora, com o programa R$ Alérgica passando a ser exibido às 11h45 (cortando os 15 minutos finais do Pior pra Você), e o Jornal Loucal às 13h10.

Em 29 de julho, o Chute TV deixa de ser exibido pela emissora, e o radialista Arthur Juis passa a atuar apenas na Chute FM e na gerencia artística das rádios dos Dáblios Desassociados no Distrito Federal. Em 19 de setembro, a emissora relançou a 2ª edição do Jornal Loucal, na apresentação de João Fagulhas.

Sinal digital

Canal virtual Canal digital Proporção de tela Programação
6.1 28 UHF 1080i Programação principal da TV Barrília / RedeVT?!

A emissora iniciou suas transmissões digitais em caráter experimental em 25 de fevereiro de 2015, através do canal 28 UHF, passando a transmitir oficialmente em 10 de julho do mesmo ano. Em 3 de junho de 2016, o Vrum Barrília tornou-se o primeiro programa local transmitido em alta definição pela emissora.

Transição para o sinal digital

Atendendo ao decreto federal de transição das emissoras de TV brasileiras do sinal analógico para o digital, a TV Barrília cessou suas transmissões pelo canal 06 VHF em 24 de setembro de 2016, um mês antes da data prevista no cronograma oficial da ANA TEL.

Programas

Além de transmitir a programação nacional da RedeVT?!, a emissora também produz os seguintes programas:

  • Vitrina: Programa de televendas;
  • R$ Alérgica: Jornalístico policial, com Nikole Rima e Wagner Raio;
  • Jornal Loucal: Telejornal, com Lívia Montero e Simone Couto (em revezamento);
  • R$ Alérgica 2ª edição: Telejornal, com Wagner Raio;
  • CB.Por: Talk show político, com Simone Couto;
  • Trum Barrília: Jornalístico sobre automobilismo, com Clayton Souza;
  • Ofertas Trum: Ofertas de automóveis, com Clayton Souza

A emissora também exibe programas da RedeVT?! em horários alternados, como o Te Mandei, além de exibir programas independentes e arrendar espaços para programas religiosos.

Programas antigos
  • A Cor da Mocidade
  • A Grande Roçada
  • Acorda Barrília
  • Antônimo Roberto e Você
  • Auto Miro
  • Barra Leve
  • Barril 7:30 (exibido pela Rede Manchester)
  • Barrília Animada
  • Barrília Presente e Futuro
  • Barrília Detergente
  • Carrocéu (com a TV Sofá)
  • Clip 106
  • Chute TV
  • Explode Xô
  • R$ Alérgica 2ª Edição
  • R$ Alérgica Turbo
  • Don & João e Sua História
  • Entrego & Educação
  • Farando Sério (exibido pela Rede 22)
  • Jornal de Sápato
  • Kaquinho e Cumpadi Tráulio
  • Mijando
  • Notícia Loucal
  • Programa Ironica Nobrega
  • Repórter da Mocidade
  • Sessão das Três
  • Telemanchester

Retransmissoras

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.