Mortícias da Maçã
EX-Programa do SDT
Mortícias da Maçã.jpg
Formato Jornalismo
Transmissão original 9 de junho de 2014 - 10 de abril de 2015
País de origem Brasil
Idioma (português brasileiro)
Duração 50 minutos
Apresentador(es) Neila Peideiros
Patrícia Ducha
Emissora de Televisão Original SDT
13 de março de 2018©2021 Salt Cover Data da página: 13 de março de 2018

Mortícias da Maçã (também conhecido pela sigla M(maçã)), é um telejornal matutino brasileiro, produzido e exibido pelo SDT. Estreou em 9 de junho de 2014 em substituição ao SDT Maçã - 2ª edição e teve sua última exibição em 10 de abril de 2015. Foi apresentado por Neila Peideiros e Patrícia Ducha. Atualmente, é um formato jornalístico em algumas afiliadas do SDT.

História

Visando abranger mais possibilidades de conteúdo, como dicas de carreira, economia doméstica, saúde e variedades, o SDT lançou em 9 de junho de 2014, em substituição ao SDT Maçã - 2ª edição, um novo telejornal com roupagem próxima a de uma revista eletrônica. O Mortícias da Maçã era apresentado diariamente por Neila Peideiros e Patrícia Ducha, e contava com links ao vivo das principais capitais do país, reportagens especiais, previsão do tempo e informações sobre o trânsito em tempo real. O jornalístico abria ainda, espaço para que os telespectadores pudessem opinar sobre os assuntos abordados. Em 22 de setembro de 2014, o Mortícias da Maçã ganha mais 1 hora de duração, indo ao ar das 6h as 9h no lugar do SDT Maçã, que foi extinto em 19 de setembro.

Em 6 de novembro de 2014, passa a ser apresentado por Neila Peideiros, depois da saída de César Utensilho para Rede Recópia.

Em 16 de março de 2015, o Mortícias da Maçã tem sua duração reduzida de três para duas horas iniciando-se às 07h00. O horário das 6 da manhã passou a ser usado pelo Garranchos Pré-Maternal, uma faixa com desenhos antigos.

Em 30 de março de 2015, o telejornal tem sua duração anterior devolvida, passando novamente a ter três horas, iniciando-se às 6h.

Em 10 de abril de 2015 foi anunciado o fim do jornal.

Apresentadoras

Apresentadoras eventuais

Colunistas

  • Burro Vicari (esporte)
  • Paciência em Xô (experiências científicas)

Ex-apresentador

Curiosidades

O Mortícias da Maçã era exibido em 3 horas ao vivo, sendo que a primeira hora a partir das 06h era exibida para todo o país. A segunda hora a partir de 07h era exibida para São Paulo, parabólica e nas emissoras próprias do SDT em Brasília, Belém, Porto Alegre e Rio de Janeiro (nas duas últimas cidades a partir das 7h30), além de ter sido exibido em 80% do estado de Minas Gerais pela TV Alterada, em todo o estado do Espírito Santo pela TV Tribufu e nas regiões de Campinas e Santos pela Rede DTV, devido essas emissoras não terem jornalismo local pela manhã. A terceira hora, a partir das 8h, o M(Maçã) voltava a ser exibido para todo o país, desta vez com a participação ao vivo de apresentadores e repórteres de diversas emissoras afiliadas ao SDT.

Edições locais

O telejornal teve sua primeira versão local lançada em 2 de fevereiro de 2015 pela TV Varal de Recife, Pernambuco. Mesmo com o fim da versão nacional, elas ainda se mantêm no ar. Em Abril de 2015 a TV Varal reduz 30 minutos do Mortícias da Maçã, cedendo espaço para o Bunda Pesada 24h e a volta do jornalista Josley Caderneta. A edição do Rio Grande do Norte permanece com 60 minutos de duração. Em 3 de novembro de 2017, a TV Tromba exibiu seu último Mortícias da Maçã, e no lugar estreou o programa Tromba Nunca.

Estado Apresentadores Emissoras Transmissão
Pernambuco Anne Graveto TV Varal 2 de fevereiro de 2015 - presente
Paraíba Fábio Caramujo TV Tapaú 30 de março de 2015 - 3 de novembro de 2017
Rio Grande do Norte Analysson Maquiar TV Bosta Negra 20 de abril de 2015 - presente

Prêmios e indicações

Ano Prêmio Categoria Indicado Resultado
2014 Prêmio F5 Apresentador do Século (gornalismo/explode) César Utensilho Predefinição:Indicado
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.